MENU LATERAL

JM Offcanvas Button

Assign modules on offcanvas module position to make them visible in the sidebar.

Nossa Escola

APRENDER, SABER E SER

DEVOLUÇÃO DE MANUAIS ESCOLARES - FIM DO ANO LETIVO 2018/2019 Destaque

Classifique este item
(0 votos)

Caros encarregaods de de educação,

Relativamente à devolução de manuais que pertencem à Bolsa de Manuais Escolares do Agrupamento, pede-se a vossa melhor atenção para as informações que se seguem:

Devem cumprir os prazos definidos para que o processo seja concluído com sucesso e não coloque em causa a atribuição de manuais escolares aos vossos educandos no ano letivo 2019/2020.

No próximo ano letivo os manuais escolares serão cedidos a título de empréstimo, a todos os alunos de todos os anos de escolaridade, devendo ser levantados pelos encarregados de educação nas livrarias/papelarias com a utilização de voucher que é emitido na Plataforma MEGA (informações a dar brevemente).

Estes manuais, mesmo que levantados pelos encarregados de educação, são propriedade do Ministério da Educação (Bolsa de Manuais Escolares do Agrupamento) e a sua não devolução ou uso incorreto por parte do aluno implica o pagamento do vaor de capa de cada manual.

No caso dos alunos do 3.º e 4.º ano, no próximo ano letivo haverá algumas restrições ao uso dos manuais pois os mesmos deverão ser reutilizados pelo menos até 3 anos letivos.

No próximo ano letivo há alunos que irão receber manuais novos e outros que irão receber reutilizados mas essa gestão é feita automaticamente pela plataforma MEGA. Caso os encarregados de educação não pretendam que os seus educandos usem manuais reutilizados (caso do 3.º e 4.º ano), não deverão usar o voucher desses manuais e podem optar pela compra dos mesmos (estes não terão de ser devolvidos no final do ano letivo).

Briteiros S. Salvador, 12 de junho de 2019

O Diretor,

Luís Morais

 

PARTILHE ESTA NOTÍCIA

Back to top

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao prosseguir aceita as as condições aplicáveis nomeadamente no RGPD.