MENU LATERAL

JM Offcanvas Button

Assign modules on offcanvas module position to make them visible in the sidebar.

Nossa Escola

APRENDER, SABER E SER

bn serviços psicologia

Os Serviços de Psicologia e Orientação (SPO) desenvolvem a sua ação nos estabelecimentos de educação, sendo três os domínios considerados para a sua intervenção:

  • O apoio psicopedagógico a alunos e a professores;
  • O apoio ao desenvolvimento do sistema de relações da comunidade educativa;
  • A orientação escolar e profissional.

Atividade dos Serviços de Psicologia e Orientação

A qualidade da educação está dependente dos recursos pedagógicos de que a escola dispõe para o acompanhamento escolar dos seus alunos. Este pressupõe uma intervenção pedagógica individualizada, sempre que sejam detetadas situações de dificuldade e implica apoiar os alunos nas escolhas que terão de fazer ao longo da sua escolaridade, facilitando o desenvolvimento da sua identidade e a construção do seu próprio projeto de vida.

O papel do SPO é possibilitar as respostas educativas às necessidades dos alunos.

Competências do Psicólogo do SPO

O psicólogo, no quadro do projeto educativo de escola e no âmbito do serviço de psicologia e orientação respetivo, desempenha funções de apoio socioeducativo, em especial as referidas no artigo 4º do Decreto-Lei nº 300/97, de 31 de outubro, competindo-lhe, designadamente:

  • Contribuir para o desenvolvimento integral dos alunos e para a construção da sua identidade pessoal;
  • Participar na definição de estratégias e na aplicação de procedimentos de orientação educativa para o acompanhamento do aluno ao longo do seu percurso escolar;
  • Intervir, a nível psicológico e psicopedagógico, na observação, orientação e apoio dos alunos, promovendo a cooperação de professores, pessoal não docente, pais e encarregados de educação, em articulação com recursos da comunidade;
  • Participar nos processos de avaliação multidisciplinar e, tendo em vista a elaboração de programas educativos individuais, acompanhar a sua concretização;
  • Conceber e desenvolver programas e ações de aconselhamento pessoal e vocacional a nível individual ou de grupo;
  • Colaborar no levantamento de necessidades da comunidade educativa com o fim de propor as medidas educativas adequadas;
  • Participar em experiências pedagógicas, bem como em projetos de investigação e em ações de formação de pessoal docente e não docente, com especial incidência nas modalidades de formação centradas na escola;
  • Acompanhar o desenvolvimento de projetos e colaborar no estudo, conceção e planeamento de medidas que visem a melhoria do sistema educativo;
  • Colaborar com os órgãos de administração e gestão da escola onde exerce funções.

Formulário de Candidatura

Ler 79 vezes

Back to top

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao prosseguir aceita as as condições aplicáveis nomeadamente no RGPD.